NEUROCIÊNCIA

 

 

O QUE É NEUROCIÊNCIA?

Neurociência é a área que se ocupa em estudar o sistema nervoso, visando desvendar seu funcionamento, estrutura, desenvolvimento e eventuais alterações que sofra. Portanto, o objeto de estudo dessa ciência é complexo, sendo constituído por três elementos: o cérebro, a medula espinhal e os nervos periféricos.

OS 5 CAMPOS DA NEUROCIÊNCIA

.

1. Neurofisiologia

Investiga as diferentes atividades que o sistema nervoso reproduz. 
Mais especificamente, ela atua na relação entre os dois sistemas, o central e o periférico, e estuda os males que ali surgem, como Parkinson, esclerose múltipla, epilepsia e outros distúrbios neurológicos e doenças degenerativas.
A neurofisiologia também estuda um dos fenômenos mais interessantes do corpo humano: a geração dos impulsos nervosos. 

2. Neuroanatomia

Tem como principal objetivo compreender como funciona cada uma das estruturas que compõe o nosso sistema nervoso central. 
Ao dividi-lo em cérebro, coluna vertebral e nervos periféricos externos, fica mais fácil delimitar a atuação e a importância de cada parte do todo.

3. Neuropsicologia

Trabalha, principalmente, na interação entre os impulsos nervosos e as funções psíquicas. 
Podemos dizer que ela é o meio campo entre medicina e psicologia. 
Ou seja, o ramo procura investigar como problemas neurológicos interferem no comportamento humano.

4. Neurociência comportamental

Bastante ligada à psicologia comportamental, tem as suas atenções voltadas para as relações das pessoas, dotadas de seus sentimentos e formas de pensar, com o ambiente em que vivem. 
De maneira mais ampla, a neurociência comportamental procura explicar como os nossos processos mentais acabam por desencadear nas nossas ações os padrões que repetimos de maneira automática em resposta a diferentes situações. 

5. Neurociência cognitiva

Podemos dizer que a neurociência cognitiva é uma subárea da neurociência comportamental. 
Se o ramo anterior buscava a explicação para todas as nossas ações, aqui, o foco se volta aos comportamentos mais complexos, como aprendizado e memória, por exemplo.
Muitos desses estudos se baseiam nas percepções e nas sensações dos indivíduos. 
Uma música ouvida no passado, um aroma que remete à infância, o tempero da comida da vovó, um rosto com traços familiares. 

extraído do site www.sbcoaching.com.br/blog/neurociencia

NEUROANATOMIA DO CÉREBRO

 

4 principais Lobos

3 cérebros

Sistema Límbico

Neurotransmissores

Principais Neurotransmissores

Diencéfalo

Substância Negra

Fale conosco

Siga-nos

Saiba mais

Rua 15 de Setemb ro, 96 - Saude - CEP 04053-070 - São Paulo

tel.: (11) 2275-9072 - 99141-4488

  • w-facebook
  • w-googleplus
  • w-linkedin
  • Twitter Clean

© 2023 por Cuidado do Corpo. Orgulhosamente criado com Wix.com